Terça-feira, 3 de Janeiro de 2012

Conhecendo o triatlo, por Joana Marques, triatleta.

E porque o triatlo é um desporto em ascensão pelo qual muitos utilizadores de bicicleta têm interesse ( não fosse parte dele constituído por um percurso em cima do nosso veículo preferido!), aqui fica um pequeno texto de introdução ao triatlo, escrito pela Joana Marques, atleta MoveFree:

 

 

De uma forma muito lata, e por definição, o triatlo é uma modalidade composta por três desportos sem que, entre eles, haja paragem do cronómetro. Relativamente recente, tornou-se olímpica apenas em Sidney-2000 e sofreu, nos últimos anos, um enorme boom evolutivo. Para trás já lá vão os tempos do “Teatro” ou do “Desporto para loucos”; hoje o Triatlo, com muito mérito, faz parte do saber da nossa sociedade, sendo apontado com um dos desportos do novo milénio.

 

O caricato é que, na sua génese, o Triatlo surgiu como um duro teste, cujo objectivo era descobrir qual o atleta mais completo, mais resistente e mais forte. Para isso, cada um tinha de cumprir 3800 metros a nadar, 180 km de bicicleta (sem roda) e concluir com uma maratona; quem chegasse ao fim era considerado um verdadeiro Homem de Ferro. Hoje em dia existem vários tipos de prova com diversas distâncias, tornando-o acessível a todos quantos gostam de desporto, independentemente da idade, do sexo ou forma física.

 

 

Sem querer puxar a brasa à minha sardinha, podemos considerar que a distância central é a distância Olímpica, aquela que é disputada nos mais importantes campeonatos e composta por 1500 metros a nadar, 40 km de bicicleta em pelotão e 10 km a correr.  A partir deste, passaram depois a existir também as distâncias Sprint, em que cada segmento da prova tem metade da distância; Super-Sprint, em que cada um é reduzido a um quarto; e Double, em que cada um é duplicado. Além do triatlo olímpico que consiste em 1500m natação, 40km bicicleta e 10km corrida, existem variantes: o Sprint em que cada segmento da prova tem metade da distância, o SuperSprint no qual cada segmento tem um quarto da distância, e o
Double, no qual cada segmento tem o dobro.

 

 

 

Qualquer uma destas provas pode ainda ser disputada em bicicletas de BTT, no Cross-Triatlo. Ainda, e não esquecendo a verdadeira origem do Triatlo, existem renhidos circuitos e campeonatos da distância Ironman (3800m a nadar, 180km de bicicleta e 42,195km a correr) e Half-Ironman (1900m, 90km e 21,1km), ambos disputados em formato de contra-relógio. Com uma dinâmica muito própria e engraçada, existem também provas primas-directas do triatlo. São elas: o Duatlo, em que o segmento de natação é substituído por corrida (ou seja, compõem-se de corrida, bicicleta e uma nova corrida); o Aquatlo, em que o segmento de bicicleta é eliminado; e o Aquabike, composto apenas por natação e bicicleta. Cada uma destas varia também nas suas distâncias, tipo de percurso e de formato.

 

Como vêem, a ideia de que o Triatlo é para super-atletas é puro mito. Do nosso calendário fazem parte provas para todos os gostos, objectivos e níveis de preparação; basta escolherem a que mais se adequa às vossas características.

 

Desafio lançado; Espero ver-vos na próxima prova! Até lá, boas pedaladas. Joana Marques

 

 

 

 

 

 


Publicado por Eupedalo às 11:00
link do post | Adicionar aos favoritos
Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.


SUBSCREVER FEEDS

ACERCA

Este é o blog da MoveFree. Um blog dedicado a todas as pessoas que pedalam, dos profissionais aos amadores, dos que competem em cima de uma bicicleta aos que gostam de dar umas pedaladas com a família e amigos. Um blog inclusivo e que se compromete a partilhar noticías e informações dedicadas ao ciclismo, à natureza e sustentabilidade.

TAGS

2011

24h

24h of exposure

aldeias sos

amigos do pedal

ana galvão

andré egreja

apoio movefree

atleta movefree

audace

avalanche

bicicletas

bike performance center

bikesharing

bmc

brasil ride

bruno espinha

btt

c.o.o.

campanha

campanhas

campeão europeu

cape epic

ciclovias

codigo da estrada

competição

criança

david rosa

dolce vita tejo

downhill

ecologia

enduro series

equipas

estrada

eventos

festival bike

filomena gomes

fórum sintra

forum sintra

freestyle

iceland luso expedition

inovação

itinerários da memória

joana marques

joão barbosa

lisboa

lousã

mafra

mafra btt

malandros btt

maratona de sintra

maratonas

master class

metralhas btt

moda

motovedras

movefree

movefree factory team

movefree/shimano

movefree_

natal movefree

nuno machado

oestebike

oribtt

pardal

passatempo

passeio movefree

passeio nocturno

passeios

passeios de loja

passeios nocturnos

patagonia luso expedition

paulo guerra dos santos

pedro dias

pedro duque

pedro maia

produtos

promoções

raid btt

ribamar

ricardo mendes

rockhopper sl

são martinho

saúde

scott

scott scale 900 rc

segurança

sintra

site movefree

solidariedade

specialized

stumpjumper ht

tapada nacional de mafra

test bike

torres vedras

transalp

treinos

triatlo

tutorial

urbano

todas as tags

ARQUIVOS

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

LINKS