Sexta-feira, 28 de Junho de 2013

Passeio Nocturno MoveFree Torres Vedras - 26 Junho

Pelas 19h30 na loja Movefree de Torres Vedras começaram a chegar os primeiros participantes para mais um Passeio Noturno Movefree de Torres Vedras. Não foram muitos os participantes que apareceram neste fim de tarde quente de verão. Pelas 8.15h ainda com sol e cerca de 30º, demos inicio ao passeio noturno, rumando em direção ao Arena Shopping e em seguida para o trilho dos antigos aviários, aproveitando as primeiras subidas para aquecer os músculos pois tínhamos programados 26 kms com 380m de acumulado.

 

Seguimos pelos trilhos da charneca atacando o ponto mais alto, onde podemos apreciar um belíssimo pôr-do-sol vermelhão deliciando todos os que iam pedalando com aquelas magnificas paisagens como pano de fundo. Aproveitando as descidas as máquinas começaram a ganhar velocidade e eis que aconteceu um percalço, uma queda “Mítica” , uma cambalhota com salto encarpado bastante aparatoso mas que apenas fez algumas escoriações no braço. Recuperando do susto e aparentemente tudo “OK” continuamos a nossa jornada rumo ao single do “Carrocel da Alegria” , um single c/ uma extensão de 500m serpenteando por um eucaliptal agora cortado, todo aos altos e baixos parecendo literalmente um carrocel, deixando um sorriso no rosto de quem lá passa e uma enorme vontade de dar “mais uma voltinha mais uma viagem”.

 

Depois de uma paragem para comer e já de faróis ligados, fizemos o nosso regresso a casa por trilhos rolantes mas com algumas subidas pelo meio, passando pelas Lapas Grandes e Ordasqueira. A ligação a Torres foi feita pelo Single dos Cucos junto ao rio calmo e tranquilo, com uma passagem pelo centro da cidade estávamos de volta de mais um passeio cheio de aventura.

 

O próximo em Torres é já dia 6 Julho. Até lá Boas Pedaladas.

 

Fotos em:

 

https://www.facebook.com/media/set/?set=a.10151660858938711.1073741839.291029543710&type=3&uploaded=5


Publicado por Eupedalo às 16:55
link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
|

Test Bike - Scott Scale 710 - por David Rosa

Aqui fica um test bike do David Rosa à Scott Scale 710, a primeira bicicleta de carbono rígida da Scott a chegar ao mercado. Numa altura em que muitos se questionam relativamente às potencialidades da 27.5" relativamente a outros tamanhos de roda nomeadamente 26" ou 29", aqui ficam as conclusões do David acerca desta bike. De notar que, quer no que diz respeito à 27.5" quer à 29", não há uma solução universal: cada bicicleta deve sempre ser escolhida em função do seu utilizador, do seu tipo de pedalada, percursos preferenciais, etc.


A análise do David centra-se sobretudo no quadro, porque alguns dos componentes foram modificados especificamente para melhorar o seu estilo de condução. Aqui fica a sua opinião acerca desta bike:



 

"Finalmente chegou a menina dos meus olhos. Posso dizer que esta é a minha bike.

 

Para mim, este tamanho é sem dúvida o mais indicado para XCO. Não é que a 29 não tenha vantagem nalguns campos. Mantenho o que já disse anteriormente: em falsos planos, trilhos com muita raízes, lama e terreno plano, a 29 continua para mim a ser um pouco superior. Daí achar que para maratonas seja a melhor opção (considerando que se consegue ter a posição na bike desejada). Apesar das modificações que fiz à 29, nunca consegui uma posição em que me sentisse realmente confortável e tirasse todo o partido da bike devido à minha altura. Além disso, sendo eu alguém com um peso muito baixo, a minha potência absoluta (e não em relação ao peso) nunca será muito elevada. Por este motivo, notava muito a maior inércia da roda 29 em arranques e principalmente em subida, não conseguindo fazer grandes variações de velocidade nas mesmas. Na verdade, para ter a aceleração duma roda 26 numa 29, o peso da 29 tem de ser muito mais reduzido (cerca de 400gr). Na prática, ao passar da 29 para a 27,5,  e apesar das rodas de origem serem cerca de 100gr mais pesadas que as da 900 RC (são o equivalente às da 910), notei de imediato uma diferença substancial em subida e em arranques nas mesmas. A agilidade é também superior fruto de uma distância entre eixos também bem menor. Ainda me estou a habituar a esta maior agilidade… em descidas mais técnicas ainda tenho de corrigir muito a trajectória, mas vem com o tempo.

 

A minha 710 está com uma montagem muito fiável, sem nenhum componente que possa comprometer a sua performance… a estética do quadro (e do conjunto!) deixou-me simplesmente boquiaberto. Este quadro, apesar de ter a denominação 710 usa o carbono mais avançado da Scott, o HMX, sobre o qual já falei num teste à Scott 900 RC. No entanto, apresenta algumas diferenças. O desviador da frente é em Direct Mount, cabo do travão de trás é interno, o espigão é 31,6mm e o eixo da roda de trás é 142x12mm “thru axle”. Quanto a mim, prefiro este tipo de encaixe da roda traseira em “thru axle” pois apesar de ser um pouco mais trabalhoso em tirar a roda (o eixo tem de sair totalmente) a rigidez é muito superior.

 

Quanto ao equipamento poderia usar componentes mais leves mas não estaria tão fiável, rígida e confortável. No capítulo da transmissão, está equipada com um grupo Shimano XTR, do qual já falei em testes anteriores (fiabilidade/performance/rigidez a 100%). Notei muito a diferença do guiador de origem (Syncros em alumínio) para o Ritchey WCS em carbono no que toca ao conforto, que neste caso, se traduz em menos cansaço dos braços e maior facilidade em zonas mais acidentadas. O mesmo se aplica ao espigão de selim, onde tinha um sem recuo, extremamente leve. Mudei-o inicialmente pois não tinha a posição desejada (estava muito em cima do eixo pedaleiro) mas fiquei surpreso com o aumento de conforto do actual (Ritchey WCS carbono) pela flexão que faz junto ao selim.

 

 

No amortecimento, conto com a SR Suntour Axon, suspensão que usei nos Jogos Olímpicos mas versão 650b. Tem uma rigidez muito acima do normal e conta com um sistema de bloqueio que gosto muito, pois é intuitivo e para desbloquear nem tenho de tirar o polegar do guiador. Tem ainda uma afinação que julgo ser muito importante: a compressão a baixa velocidade. Na prática uso-a quando estou a treinar em estradões com alguns buracos em que não anteriormente sabia se queria bloquear a suspensão (senão num desses buracos a pancada é grande) mas se desbloqueada (problema do bombeio). Assim basta-me usar essa afinação (poucos “click’s” são logo perceptíveis) para a adaptar em função do circuito. Em percursos com muitas raízes faço o contrário.

 

 

Em competição uso umas rodas tubulares de carbono com pneus Dugast (facilmente reconhecíveis). Com estas alterações, a minha bike de competição “emagreceu” cerca de 1.2 kg, ganhou aceleração, agilidade, rigidez, performance em subida e sinto-me mais confortável.

 

Esta sim, é a minha bike de XCO, porque está mais adaptadas às minhas características. A 29" parace-me uma opção mais interessante para maratonas, grandes distâncias e provas que não sejam tão específicas qquanto o XCO."


Clique aqui para ler o test bike realizado pelo David à Scott Scale 900 RC.

 

O melhor mesmo é experimentar: desloque-se até a uma loja MoveFree para marcar Test Rides com Scott Scales 29" ou 27.5" e seja aconselhado pelos nossos profissionais!


Publicado por Eupedalo às 14:09
link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
|
Quarta-feira, 26 de Junho de 2013

David Rosa continua a fazer história ao serviço da Seleção Nacional

Após o 35º lugar na Taça do Mundo de Nove Mesto, República Checa, melhor resultado de sempre de um português na categoria de Elite, David Rosa consegue o 24º lugar no Campeonato da Europa que se realizou no passado fim de semana em Berna.
Num percurso técnico e duro, com algumas secções artificiais de um nível de exigência elevado, o atleta aproveitou para estrear a sua nova Scale 710 que se mostrou à altura do desafio.

 


Após um arranque bem conseguido, em que rodou taco a taco com grandes do BTT mundial como o espanhol José António Hermida, seguindo nos 15 primeiro da corrida, um erro na contagem do número de voltas do start loop fê-lo abrandar cedo demais para entrar na pista e assim perder posições.


A partir daí, recuperando lugares e gerindo o esforço de forma sustentada, acabou a prova a 3min28seg do atual campeão mundial, Nino Schurter.
“Dei tudo, mas, apesar de este ser de facto um resultado histórico, não me deixa de saber a pouco pois tenho a sensação de que consigo fazer melhor e tenho ambição para isso. Normalmente não me engano nestas coisas. Já o ano passado em Houffalize fiquei com a certeza que conseguia mais e confirmou-se este ano. Mas há que dar tempo ao tempo e ir trabalhando e evoluindo como tenho feito até agora.”, são as palavras do atleta após a corrida.


Mais em: https://www.facebook.com/photo.php?fbid=612352928783129&set=a.186722031346223.42568.185645671453859&type=1&theater


Publicado por Eupedalo às 17:17
link do post | Comentar | Ver comentários (1) | Adicionar aos favoritos
|
Segunda-feira, 24 de Junho de 2013

As estradas da Margem Sul encheram-se de “Audaces”

O primeiro domingo de verão do ano foi dia para as praias da costa se encherem de banhistas. No entanto, cerca de 200 “Audaces” trocaram a toalha de praia pela bicicleta e foram pedalar pelas estradas da margem sul no 3ºAudace MoveFree Series.

A loja MoveFree de Almada recebeu este evento de estrada organizado pela FPCUB juntamente com a MoveFree. A loja foi o ponto de partida e de chegada do percurso que contou com uma distância total de 147km’s e 1300m de acumulado.

A partida deu-se às oito horas em ponto e rapidamente os primeiros ciclistas chegaram ao Seixal, sem grandes dificuldades e com uma vista privilegiada sobre o Estuário do Tejo, dirigindo-se para Coina. Estavam decorridos 30km’s quando chegaram à Moita, o aquecimento estava feito e entraram na freguesia dos Sarilhos Grandes, que felizmente não afetou nenhum dos ciclistas.

A mesma sorte não teve a carrinha de apoio, que sofreu um furo, fazendo com que não chegasse a tempo ao Poceirão, onde estava previsto ser o primeiro ponto de controlo, que teve assim que ser transferido para Águas de Moura. Depois de ter sido feito o controlo de passagem, onde os participantes usufruíram também de um abastecimento e assistência técnica realizados pelos profissionais da MoveFree, foi tempo de rumar à subida para Palmela onde os ciclistas já tinham as pernas cansadas, depois de vários “falsos planos” que caracterizaram este percurso.

Chegando a Azeitão foi altura de novo ponto de controlo e de abastecimento, este no local previsto, as pernas já levavam 100km´s, o calor era mais que muito e o vento não ajudava, mas os “Audaces” não desistiram e fizeram-se ao caminho em direção a Sesimbra e depois até Almada. No final contaram mais 272 pontos para o ranking anual individual e de equipas da FPCUB e mais um selo dos Audaces MoveFree para a caderneta, que venha o próximo.


Publicado por Eupedalo às 15:06
link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
|

Feira de usados na MoveFree com 15% de desconto em bicicletas e quadros usados entre 24 e 30 de Junho!

Após grande sucesso obtido em campanhas de de usados no passado, a MoveFree volta a repetir esta dinâmica. Entre 24 e 30 de Junho, todas as Bicicletas e quadros usados terão descontos até 15% nas lojas MoveFree*! Se está à procura de fazer um grande negócio na aquisição de uma bicicleta, pesquise a nossa área de usados no site e visite as nossas lojas, já que há ainda muitas bicicletas disponíveis que não estão online.

 

Todas as bicicletas usadas à venda na MoveFree têm garantia e foram revistas e afinadas pelos nossos mecânicos. Nas nossas lojas poderá encontrar marcas de bicicletas usadas como Specialized, Trek, Scott, Cannondale, Orbea, etc, entre bicicletas de estrada e montanha com variados preços.

 

 

 

 

* Campanha a decorrer entre 24 e 30 de Junho, somente nas bicicletas usadas expostas nas lojas MoveFree. Incide somente sobre os modelos em vigor identificados em loja e não dispensa consulta das condições junto dos comerciais da MoveFree. Não acumulável com outras promoções.


Publicado por Eupedalo às 12:22
link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
|
Quinta-feira, 20 de Junho de 2013

TRIATLO DE ESPINHO E DUATLO DE MOURILHE PORTERRA

“Sábado realizou-se a 6ª etapa do Campeonato Nacional de Clubes de Triatlo mas por causa das condições do mar foi alterado para Duatlo.

Tivemos representados apenas por 2 atletas pois por opção e algumas lesões não levamos equipas (Masc. e Fem.).

 

João Serrano foi brilhantemente 2º classificado em preparação para o Camp. da Europa de Triatlo sub-23.

Afonso Garcia foi o outro homem presente e alcançou o 15º posto da geral e 3º CAD. 

 

No domingo o GARMIN Olimpico de Oeiras esteve presente na 3ª etapa da Taça PORterra em Mourilhe, onde alcançou duas brilhantes vitórias por equipas e assim cimentou a liderança em ambos os rankings.

 

Ana Henriques foi a vencedora feminina, com uma prova sem reparos…ela já bem merecia esta vitória, Susana Pontes que no dia anterior tinha feito uma prova de orientação foi 6º da geral e 1ª VET e Cecilia Shinn regressada do CM Longa Distância foi em “auxilio” da equipa feminina e não desfraldou as expectativas pois o BTT não é a sua “praia” e fechou a equipa em 7º lugar.

 

 

 

Nos homens o melhor da equipa foi Octávio Vicente 3º da geral e uma queda…que o deixou um pouco dorido, Jorge Duarte foi 4º a 10’’ do pódio…e com uma 2ª corrida de nível…Luis Almeida foi 9º da geral e 2º VET1 fechando a equipa, Nuno henriques foi 20º da geral.

 

 

A todos PARABENS, GO COO GO…” Por: Garmin Olimpico de Oeiras.


Publicado por Eupedalo às 16:09
link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
|
Segunda-feira, 17 de Junho de 2013

Passeio Nocturno Mafra - 12 Junho 2013

"Hoje foi dia de mais um passeio na loja MoveFree de Mafra, que apesar de poucos participantes foi um grande passeio.

Começamos com uma grande descida e depois foi só pedalar junto ao rio com um tempo espectacular, depois tivemos uma subida para aquecer, depois foi o momento de termos um pequeno workshop de como mudar um furo.

Partimos então em direcção ao ponto alto da noite que era comer uma sardinha mas sem sucesso. Depois foi o regresso a loja."


Publicado por Eupedalo às 15:56
link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
|
Quinta-feira, 6 de Junho de 2013

Passeio Nocturno Dolce Vita - 05 Junho de 2013

Pelas 19h30 na Praça Central do Dolce Vita Tejo junto ao ecrã gigante eis que começaram a chegar os primeiros participantes para mais uma concentração para o Passeio Nocturno Movefree DVT.

Depois de toda a logística tratada e com um grupo com 14 participantes, demos inicio ao passeio.

Partimos do DVT direitos ao Jardim que se encontra nas traseiras do DVT e descemos em direcção  a Odivelas, aproveitando as primeiras descidas que o percurso nos ofereceu, lá fomos a “rolar” pela estrada da Paiã, entramos em Odivelas, sempre disputando um pouco de alcatrão com os automobilistas que passam, uns mais tolerantes que outros.

Dentro das possíbilidades lá fomos fazendo alguns desvios tentando fugir o mais possível ao trânsito, depois de atravessarmos Odivelas, passamos pela Póvoa e ai entramos finalmente nos primeiros estradões de terra batida “habitat” das nossas bikes… ops finalmente terra batida… sente-se que “elas” estão felizes, mais à frente depois de uma pequena subida por um trilho e na entrada de novo no alcatrão o guia da frente resolve brindar os presentes com um tralho, depois de se certificarem que estava tudo bem foi a risada geral.

Depois de mais um pouco de Alcatrão demos entrada nas Lezírias, sempre em andamento rolante, alinhados em amena cavaqueira e ainda rindo um pouco do tralho do guia, conversas distintas e cruzadas, conferindo ao passeio o prazer do debate. De quando em vez este ambiente de conversa  era quebrado por intervenções engraçadas que aumentavam a boa disposição dos participantes.

Percorrendo as lezirias passamos ao pé do Loures Shopping e fomos direitos ao local que tinhamos para um breve retemperar das forças com as nossas barritas e liquidos, sem antes de chegarmos ao local termos descido por um single track dentro de Loures mas em terra batida chegamos ao largo das piscinas de Loures, depois das forças retemperadas de algumas conversas e brincadeiras e respectivas necessidades fisiológicas feitas, entramos de novo no habitat das nossas bikes, de seguida fomos em direcção à casa do Gaiato onde entramos no track do canavial, passando pelo já famoso caneiro começamos o trajecto de regresso rumo ao ponto de partida. É interessante ver o entusiasmo quer dos ciclistas, quer das pessoas que se encontravam ao longo do trajecto que iamos cruzando, e reagiam positivamente à passagem do grupo batendo palmas, gritando palavras de incentivo e os automobilistas apitando.

Para terminar o grupo teve que enfrentar ainda a última descida do percurso mas feita ao contrário, vencido este último obstáculo  finalmente no destino, para terminar é de salientar a boa disposição de todos os participantes com a promessa de que nos próximo lá estarão.

Em fim de rescaldo queremos agradecer a todos os participantes por se terem juntado a nós neste passeio Movefree e um carinho especial para a única participante feminina ao longo dos 40Kms.

A todos o nosso muito obrigado e até ao próximo!


Publicado por Eupedalo às 14:54
link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
|

SUBSCREVER FEEDS

ACERCA

Este é o blog da MoveFree. Um blog dedicado a todas as pessoas que pedalam, dos profissionais aos amadores, dos que competem em cima de uma bicicleta aos que gostam de dar umas pedaladas com a família e amigos. Um blog inclusivo e que se compromete a partilhar noticías e informações dedicadas ao ciclismo, à natureza e sustentabilidade.
Eu Pedalo on Facebook

TAGS

2011

24h

24h of exposure

aldeias sos

amigos do pedal

ana galvão

andré egreja

apoio movefree

atleta movefree

audace

avalanche

bicicletas

bike performance center

bikesharing

bmc

brasil ride

bruno espinha

btt

c.o.o.

campanha

campanhas

campeão europeu

cape epic

ciclovias

codigo da estrada

competição

criança

david rosa

dolce vita tejo

downhill

ecologia

enduro series

equipas

estrada

eventos

festival bike

filomena gomes

fórum sintra

forum sintra

freestyle

iceland luso expedition

inovação

itinerários da memória

joana marques

joão barbosa

lisboa

lousã

mafra

mafra btt

malandros btt

maratona de sintra

maratonas

master class

metralhas btt

moda

motovedras

movefree

movefree factory team

movefree/shimano

movefree_

natal movefree

nuno machado

oestebike

oribtt

pardal

passatempo

passeio movefree

passeio nocturno

passeios

passeios de loja

passeios nocturnos

patagonia luso expedition

paulo guerra dos santos

pedro dias

pedro duque

pedro maia

produtos

promoções

raid btt

ribamar

ricardo mendes

rockhopper sl

são martinho

saúde

scott

scott scale 900 rc

segurança

sintra

site movefree

solidariedade

specialized

stumpjumper ht

tapada nacional de mafra

test bike

torres vedras

transalp

treinos

triatlo

tutorial

urbano

todas as tags

ARQUIVOS

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

LINKS